30611
Saltar para conteúdo

Publicação de Recursos

Lusíadas Saúde assegura apoio médico a atletas Olímpicos e Paralímpicos portugueses

19 Agosto 2019



Compartilhar
Tweet


A Lusíadas Saúde vai assegurar a prestação de cuidados de saúde aos atletas do Comité Olímpico de Portugal (COP) e do Comité Paralímpico de Portugal (CPP) na preparação para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio 2020, sendo também contemplados os atletas com deficiência auditiva que irão integrar o programa surdolímpico durante este período, complementando o apoio das equipas médicas das Federações e de ambos os Comités.

A assinatura do protocolo foi feita pelos presidentes das instituições – José Manuel Constantino do COP, José Manuel Lourenço do CPP e Vasco Antunes Pereira da Lusíadas Saúde. O evento contou com a presença da adjunta do chefe de Missão aos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, Catarina Monteiro, e da chefe de Missão aos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020, Leila Marques Mota, e de alguns atletas.

“Nas últimas edições já assegurámos o serviço médico do Comité Olímpico de Portugal e, pela primeira vez, temos a oportunidade de estender os nossos cuidados de saúde aos atletas do Comité Paralímpico de Portugal. Na Lusíadas Saúde preocupamo-nos diariamente com a promoção da diversidade e inclusão e esta parceria é o reflexo da nossa identidade. Este apoio médico dá continuidade à nossa Missão e, com o apoio da nossa equipa de profissionais de excelência, esperamos contribuir para o sucesso desportivo dos atletas de ambos os Comités”, sublinha Vasco Antunes Pereira, CEO da Lusíadas Saúde.

“Por revermos no Grupo Lusíadas a excelência na prestação dos serviços de saúde, acreditamos que esta parceria vem reforçar o objetivo do CPP em garantir o acesso às melhores condições de preparação para os atletas inseridos nos Programas Paralímpico e Surdolímpico”, enfatiza José Manuel Lourenço, Presidente do Comité Paralímpico de Portugal.

“Repomos uma colaboração já iniciada nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e que teve resultados mutuamente vantajosos”, ressalva José Manuel Constantino, Presidente do Comité Olímpico de Portugal. “Para uma missão Olímpica de excelência, só poderíamos ter um parceiro de excelência!”

Os atletas Olímpicos, Paralímpicos e Surdolímpicos terão acesso privilegiado a todas as unidades privadas do Grupo Lusíadas Saúde, onde farão todo o tipo de atos médicos como consultas, exames e cirurgias. A coordenação do serviço médico está a cargo de Bernardo Vasconcelos, especialista de Cirurgia Geral e Medicina Desportiva do Hospital Lusíadas Lisboa, antigo diretor clínico do Sport Lisboa e Benfica.

No âmbito desta parceria, a Lusíadas Saúde vai ainda promover a campanha “É bom estar em boas mãos em todas as provas da vida”. A iniciativa, que conta com a participação de diversos atletas Olímpicos e Paralímpicos mostra que a vida é feita de desafios, quer sejam físicos, do quotidiano ou desportivos, e que a Lusíadas Saúde se compromete a lá estar, como sempre, para colocar em prática o que melhor sabe fazer: cuidar. 



Voltar
Facebook Paralimpicos Instagram Twitter Youtube